Meninas com câncer ficam amigas durante o tratamento e acabam vencendo a doença

Chloe, Lauren, McKinley e Avalynn se conheceram enquanto faziam quimioterapia

PUBLICIDADE

As meninas Chloe, Lauren, McKinley e Avalynn possuem entre 4 e 5 anos de idade e se conheceram em um hospital. O tratamento das garotas contra o câncer foi realizado no Hospital Johns Hopkins All Children, localizado em St. Petersburg, na Flórida, durante um período de três anos.

Após lutarem juntas por sua vida, as garotas celebraram a sua vida por meio de uma divertida sessão de fotos. Usando tutus e bandanas douradas, nas fotos em questão as quatro não se parecem em nada com as meninas que frequentavam o hospital. Na sessão de fotos, elas aparecem radiantes.

PUBLICIDADE

Nas fotos em questão, cada uma delas usou uma camisa com uma palavra diferente, remetendo à sua luta contra o câncer. Dessa forma, é possível ver palavras como sobrevivente, valente, destemida e forte estampadas nas blusas das meninas.

Chloe foi diagnosticada com um câncer de pulmão, algo que pode ser considerado extremamente incomum em crianças. As demais garotas, por sua vez, enfrentaram a leucemia linfoblástica aguda, que se trata do tipo mais comum de câncer em crianças, mas também pode se considerado um dos cânceres cujo tratamento é mais complexo, visto que infecta o sistema imunológico.

PUBLICIDADE

Chloe, Laura, McKinley e Avalynn se conheceram por acaso no hospital, em setembro de 2016. Na ocasião, os médicos haviam dado para as quatro tutus rosas com o objetivo de tentar melhorar o humor de suas pacientes e também para marcar o mês da conscientização acerca do câncer infantil.

Quando se encontraram usando os tutus, as quatro se sentaram juntas e tiraram uma foto. Um ano depois, elas voltaram a se ver e recriaram a imagem daquele primeiro encontro. Entretanto, as diferenças físicas se fazem notar.

PUBLICIDADE

Agora em remissão, as quatro voltaram ao hospital, felizes por estarem saudáveis. Além disso, as novas fotografias do quarteto trazem as garotas sem os lenços na cabeça, usados durante o período em que faziam quimioterapia.

De acordo com os médicos, é possível perceber o quanto as quatro floresceram após recuperar a sua saúde.  E também é possível notar que elas acabaram criando um vínculo único de amizade, uma vez que passaram pela mesma situação no mesmo momento.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Pedro Henrique

Amo escrever sobre todo o tipo de assunto, notícias e atualidades são minha paixão. Contato: [email protected]