PUBLICIDADE

Xarope adulterado tirou a vida de pelo menos 157 crianças e deixou outras dezenas em estado grave

A Organização Mundial de Saúde (OMS) se pronunciou a respeito.

PUBLICIDADE

Pelo menos 157 crianças morreram e outras dezenas estão em estado grave após serem tratadas com xarope adulterado.

Este é caso é considerado um dos maiores escândalos da Indonésia no que se diz respeito a saúde púbica daquele país.

Os relatos de centenas de mães e dos parentes próximos das vítimas são de cortar o coração.

Agustina Maulani, mãe da pequena Nadira de apenas 1 ano e 5 meses, que foi uma das vítimas do xarope adulterado, fez um triste relato sobre o que aconteceu com sua filha.

PUBLICIDADE

De acordo com Agustina Maulani, ela comprou um xarope de paracetamol para tosse da garotinha em uma farmácia em Jacarta, capital da Indonésia.

Ela revelou que deu o medicamento de acordo com a prescrição de 4 em 4 horas, mas a febre não cedia, ela chegou a ficar um pouco melhor, mas logo a febre alta voltava e em pouco tempo ela parou de urinar.