Conhecido remédio, para combater os parasitas, pode ajudar na luta contra Covid-19, ainda está em fase de testes

Nova esperança, surge cientistas estão realizando testes.

PUBLICIDADE

Você já deve ter acompanhado as últimas noticias , estão tentando descobrir um medicamento antiparasitário, que pode ser a nova esperança para derrotar Covid-19. Segundo um estudo  feito, pelos cientistas australianos  na última sexta-feira, fizeram uma publicação sobre o estudo científico onde mostra os resultados do remédio antiparasitário.

Ele que é conhecido por todo o mundo e diminui quase para nulo, o material viral do novo vírus em apenas 48 horas. O que se sabe, é que se trata de um remédio bem popular, usado para os piolhos, pulgas, sarna e vermes.

PUBLICIDADE

Esse remédio muito popular ivermectina, trata-se de uma droga que foi provada pela FDA, e já provou resultados em estudos anteriores em atividade antiviral de amplo espectro in vidro.

Ainda em nova realização de testes que  foram realizados em células em laboratório, mas ainda não em humanos. Esse mesmo remédio, ainda vai ser bem estudado, e passado por diversos testes, até que se comprove que pode ajudar a combater  a doença.

PUBLICIDADE

Os cientistas, infectaram células com o vírus, e a partir daí monitoraram por três dias. Ao mesmo tempo, que igualavam com as células não infectadas. A conclusão até ao momento que se sabe, até ao momento é que ele teve uma diminuição até 93%, da carga viral do novo coronavírus, nas células infectadas no tempo de 24 horas.

Após as 48 horas, chegou aos 99,8%. Além disso, relembramos que os cientistas concluirão que esse remédio é capar de inibir a proteína da Covid-19, o que causa uma grande perda no material viral.

PUBLICIDADE

Ainda observou a ausência de toxicidade da ivermectina me todas as etapas de teste. Sem duvida, é uma noticia com muitas esperanças. Mas não é para ninguém sair por aí comprado, e tomando.

Porque ela ainda não foi testada nos humanos, por isso aguarde os resultados dos testes, se realmente é uma solução ou não. Ainda falta a etapa de teste nos humanos, que ainda não foi efectuada.

PUBLICIDADE

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!