Covid-19, número de mortos em casas de repouso para idosos na França é assustador e o número deve dobrar na próxima semana

A situação está terrível em diversas partes do mundo.

PUBLICIDADE

De acordo com o presidente da federação hospitalar da França, Frederic Valletoux, as regras de quarentena estão sendo seguidas à risca, mas mesmo assim dezenas de mortes estão ocorrendo. Nos últimos dias a situação está terrível, pois cerca de 150 casas de repouso são atingidas pela epidemia de coronavírus.

Segundo o presidente da Federação hospitalar, a epidemia de coronavírus na França atingiu, dezenas e dezenas de idosos, pois estima-se que dos 700 estabelecimento que acolhem idosos, cerca de 100 a 150 estão sendo atingidos pelo vírus, afirmou que não sabe a dimensão da perda.

Na França certamente há uma catástrofe, a Federação fez um apelo para cada pessoa que possui um parente idoso nas casas de repouso, não visitar devido a essa grande epidemia, somente quando tudo isso passar então retornar a vida normal.

O governo da França não revelou o número de mortos pela coronavírus, nenhum relatório foi produzido até o momento pelo governo em seus anúncios diários, o diretor geral de saúde da França, somente menciona os cuidados necessários, mas não registra doentes ou mortos.

PUBLICIDADE

Segundo alguns especialistas, isso é fácil de se explicar, pois para declarar a quantidade de mortos em uma situação como esta, é preciso realizar exames que apresentam sintomas e por não possuírem a quantidade necessária de exames de coronavírus, não é possível informar a quantidade de pessoas que estão sendo afetadas pelo vírus, quando idosos morrem no hospital, ou em casa, ou casas de repouso, não há nenhum registro.