Criança atropelada por vender bala em semáforo recebe presente ao sair do hospital “era o que eu queria”

O menino de apenas 10 anos ficou mais de 2 meses internados logo após ser fortemente atingido por moto em alta velocidade

PUBLICIDADE

O menino de apenas 10 anos ficou mais de 2 meses internados logo após ser fortemente atingido por moto em alta velocidade.

O motivo do pequenino estar vendendo bala no semáforo era que juntasse uma boa quantia de dinheiro e comprar seu videogame favorito, um console da Sony “ps4”. Mesmo que seus pais o auxiliassem o aparelho eletrônico custa em média mais de 3 mil reais.

PUBLICIDADE

Ele sofreu o acidente no dia 28 ainda no mês de setembro e chegou no hospital com ferimentos graves, que o fizeram quase a sucumbir a vida.

Família do menino conta que ele estava acompanhado de sua tia de seus irmãos mais velhos e até primos, eles vendiam balas no semáforo da Avenida Santana em São Paulo. O objetivo do menino era ajudar nas despesas da casa e também comprar seu sonhado videogame.

PUBLICIDADE

Mas sua vida quase foi ceifada por motociclista que o atropelou em alta velocidade, o menino ficou internado por 66 dias, e recebeu a alta somente agora no dia 3 de dezembro “milagre de Natal”.

Em sua alta o pequenino recebeu o tão sonhado videogame, alunos de uma universidade Adventista se compadeceram do caso e chegaram a realizar uma vaquinha para que com esta arrecadação fosse comprado o aparelho eletrônico.

PUBLICIDADE

Em nota a secretária de trânsito da cidade informa que identificou o autor do atropelamento, um jovem de apenas 19 anos conduzia a moto. No local do incidente o mesmo também chegou a ser atendido pela ambulância. A família do menino atropelado não optou em revelar o nome da vítima e diz que irá tentar um acordo amigável com o homem que atropelou seu filho.

PUBLICIDADE

Escrito por Melissa Lopes

Trazendo "De tudo um pouco" por aqui. Relacionamento, curiosidades, notícias, receitinhas que amamos! Seja bem vindo!