Entenda a doença rara que matou o pequeno Nicollas de 10 anos durante brincadeira com coleguinhas

Nicollas Rafael sofreu uma parada cardíaca devido a uma doença rara que a família desconhecia. Doença causa hipertrofia do coração e pode se desenvolver de forma silenciosa, conforme explica especialista.

PUBLICIDADE

Em Cubatão São Paulo um menino de 10 anos morreu de mal súbito enquanto brincava com os colegas.

A doença conhecida como miocardiopatia hipertrófica assimétrica é uma doença rara que só foi descoberta no garoto após a morte.

PUBLICIDADE

Segundo o especialista a miocardiopatia se desenvolve de forma silenciosa e por isso algumas pessoas a possuem sem se quer saber, o menino passou mal enquanto estava brincando com os amigos e chegou a pedir água chegou a desmaiar.

As crianças chamaram os pais a família o levou para o Pronto Socorro de Cubatão, eles chegaram pouco antes da meia-noite porém quase 1 hora da madrugada foi confirmada a morte do menino.

PUBLICIDADE

A princípio os médicos relataram aos familiares que a morte tinha sido por causas naturais, mas através dos exames foi descoberto que ele teve uma insuficiência cardíaca que causou acúmulo de líquido no tecido pulmonar desencadeado pela miocardiopatia.

Especialista em arritmia cardíaca de da Santa Casa disse que essa doença acontece de forma silenciosa atinge o coração trazendo dificuldades para o bombeamento do sangue, uma cavidade do coração o músculo cresce trazendo dificuldade para o trabalho do ventrículo esquerdo.

PUBLICIDADE

Esse mal faz desenvolver essa insuficiência cardíaca e aconteceu a morte, especialista disse que a doença é genética e que tanto o pai como a mãe podem ter e a prevenção é a melhor forma de tratamento, por isso exames periódicos são necessários.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.