Governo Bolsonaro receia não ter dinheiro para pagar aposentadorias e deve furar teto de gastos

Consulta foi feita ao TCU.

PUBLICIDADE

Uma consulta enviada ao Tribunal de Contas da União, assinada pelo ministro-chefe da Casa Civil, Ciro Nogueira, evidenciou uma situação delicada enfrentada pelo governo Bolsonaro – que pode tornar a vida de milhões de pessoas mais difícil no fim do ano.

A consulta foi feita com aval do Ministério da Economia, comandado por Paulo Guedes, e confirma o receio do governo em relação as contas neste final de ano. O governo possui apenas R$ 2,4 bilhões para fechar o ano, o que coloca em risco uma série de serviços, inclusive o pagamento de aposentadorias.

O governo alega que o aumento do número de beneficiados causou desequilíbrio às contas. O rombo, que o governo não tem orçamento para pagar sem furar o teto de gastos, é de R$22,3 bilhões.