Homem de 44 anos é impedido de entrar em mercado sem máscara, volta armado com faca e é morto

Ele ameaçou clientes e funcionários do estabelecimento, segundo a PM. Mercado foi depredado após a morte, e a Polícia Civil investiga o caso.

PUBLICIDADE

Em Santa Catarina um homem foi morto após ser impedido de entrar no mercado sem usar máscara de proteção ao coronavirus.

Segundo informações da Polícia o homem voltou para casa buscar uma faca e retornou ao estabelecimento e nesse momento ele foi morto.

PUBLICIDADE

O caso aconteceu no último domingo (8) em Palhoça Florianópolis, a polícia até o momento não tem informação dos suspeitos.

Após ser confirmada morte do homem o mercado foi alvo de apedrejamento, a polícia civil está investigando o caso, não passou nenhum detalhe sobre a investigação estão seguindo em sigilo.

PUBLICIDADE

A policial informou que o desentendimento aconteceu por volta das 19 horas, o mercado fica no bairro Passagem, o homem de 44 anos foi impedido de entrar no mercado por não usar uma máscara, ele voltou armado com uma faca e ameaçou clientes e funcionários.

Houve uma briga o homem foi retirado do local e segundo a Polícia Rodoviária Federal ele tinha ferimentos na cabeça, Corpo de Bombeiros constatou a morte, as pessoas que depredaram o mercado não foram localizadas.

PUBLICIDADE

Segundo informações da Polícia a vítima tinha passagens pela polícia por ameaça, lesão corporal, danos invasão de propriedade.

Em Santa Catarina o uso de máscara é obrigatório dentro dos estabelecimentos, quem estiver sem a proteção está sujeito a pagar multa de r$ 500, clientes disseram que ficaram com medo do homem pois entrou armado com uma faca e ameaçava as pessoas.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.