Médicos relatam mortes chocantes de pacientes jovens com Covid-19

O perfil das pessoas nas UTIs está mudando durante a crise de saúde

PUBLICIDADE

O médico Matheus Alves de Lima, responsável pelo atendimento de pacientes diagnosticados com Covid-19 que ocupam leitos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de hospitais de campanha localizados no Distrito Federal, falou recentemente a respeito de um plantão dado em um desses hospitais.

O depoimento de Matheus serve como uma ilustração da situação preocupante em que a pandemia se encontra. Ele também serve para corroborar a ideia de que o perfil dos pacientes infectados e em estado grave com o coronavírus está se modificando bem quando o sistema de saúde do Brasil parece entrar em colapso.

PUBLICIDADE

De acordo com as informações da BBC News Brasil, veiculadas também pelo G1, Matheus Alves de Lima relatou que em um desses hospitais ele presenciou a morte de um paciente de apenas 25 anos de idade, algo que foi bastante chocante para ele.

Além do caso em questão, o plantonista ainda citou outro paciente de 28 anos de idade. Esse, por sua vez, acabou não resistindo quando precisou ser extubado e, portanto, precisou voltar à ventilação mecânica. Além disso, o paciente em questão também precisou passar por hemodiálise.

PUBLICIDADE

Conforme o relato de Matheus, isso se torna ainda mais chocante quando se pensa que caso o último paciente não tivesse sido infectado com a  Covid-19, ele não precisaria fazer hemodiálise na idade que tinha. Segundo o médico, cenários como esses tem se tornado cada vez mais comuns e jovens com idades entre 25 e 40 anos estão se tornando vítimas fatais da doença respiratória.

 

Via: g1.globo.com

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.