Mulher de 42 anos morre atropelada na faixa por carro que participava de racha: “quando isso vai ter fim”

Um mulher morreu atropelada, na madrugada desta sexta-feira (2/7), em uma faixa de pedestres, em Taguatinga. A suspeita é de que veículos disputavam racha no momento do acidente.

PUBLICIDADE

Na madrugada dessa sexta-feira 2 uma mulher foi atropelada em uma faixa de pedestre em Taguatinga.

Segundo informações da Polícia logo após ela ser atropelado o veículo que que participava de um racha fugiu do local.

PUBLICIDADE

O corpo de bombeiros foi acionado mas quando a equipe chegou ao local a vítima não tinha os sinais vitais.

A mulher foi identificada como Cheila Almeida de Mendonça de 44 anos ela atravessava a facha de pedestre mas o veículo que supostamente participava de um racha vinha em alta velocidade e atingiu a mulher em cheio.

PUBLICIDADE

Não prestou socorro e fugiu do local, até o momento a polícia não identificou o carro que atropelou a senhora, a décima segunda delegacia de polícia de Taguatinga está investigando o caso.

Câmeras de segurança da região serão verificadas para descobrir a placa do veículo e assim descobrir quem é o motorista que atropelou e não prestou os socorros a essa senhora, infelizmente essa situação tem acontecido com frequência em várias regiões do país.

PUBLICIDADE

São carros de luxo são jovens muitas vezes embriagados que tem praticado racha e são covardes não param para prestar socorros foge do local e apenas se desculpam dizendo que fugiu porque estavam com medo, se fazem de vítimas, mas as vítimas são aqueles que perderam a vida, essas pessoas são covardes e infelizmente a justiça no Brasil não tem punido corretamente esses infratores.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.