Noticia triste, foi confirmada o primeiro óbito por peste negra do ano de 2020, garoto de 15 anos é a primeira vítima

Logo após a China alertar sobre casos suspeitos de peste bubônica na Mongólia, uma semana após, um jovem morre em decorrência dessa peste.

PUBLICIDADE

Foi confirmado pelo Ministério da Saúde da Mongólia nessa última terça-feira dia 14, que um garoto de 15 anos morreu de peste bubônica após comer a carne de uma marmota.

Segundo o Ministério da Saúde, mais de 15 pessoas que tiveram contato com o adolescente foram isoladas e estão sendo tratadas com antibióticos, de acordo com as autoridades da Mongólia, cinco distritos próximos à região onde se manifestou essa peste estão em quarentena por uma semana.

PUBLICIDADE

Logo após a China alertar sobre casos suspeitos de peste bubônica na Mongólia, uma semana após, um jovem morre em decorrência dessa peste, o país faz fronteira com a China e está intensificando as medidas de segurança sanitária.

Ainda não existe vacina que combata a bactéria, esse vírus pode ser transmitido por consumo de carne contaminada ou por picadas de pulgas, o principal hospedeiro dessa bactéria é a marmota que vive em muitas áreas rurais.

PUBLICIDADE

Segundo a Organização Mundial de Saúde, os países com saneamento básico precário, correm um grande risco de alastrar essa doença, em Madagascar uma pequena ilha africana, foi o local onde registrou a epidemia mais recente, segundo dados locais mais de duas mil pessoas contraíram a bactéria e mais de 200 morreram.

Apesar de ser raro essa bactéria, a Mongólia sempre registrou mortes em decorrência desse vírus, em 2019 um casal morreu da peste após comer carne de marmota, essa doença é causada por uma bactéria conhecida como peste negra, século 14 virou uma pandemia e se espalhou pela Ásia, África e mais de 50 milhões de pessoas morreram.

PUBLICIDADE

Os sintomas se parecem com gripe, incluindo dor de cabeça, calafrios, febre, náuseas, vômitos, dores generalizadas, inflamações dos gânglios, confusão mental, depois de alguns dias de infectado começa a aparecer os sintomas, se não houver tratamento a doença evolui muito rápido e pode chegar a matar em 24 horas

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.