Paciente que ficou com sequelas da Covid-19 relata como é depois da doença: “Refrigerante agora tem gosto de sangue”

O vírus é capaz de danificar os nervos e por isso o cérebro não consegue identificar o que recebe.

PUBLICIDADE

O advogado Leonam Gomes de 32 anos, falou sobre os primeiros sintomas da covid-19, ele foi infectado no início da pandemia, sentiu dores no corpo e se desesperou um tempo depois quando perdeu o olfato.

Ele passava perfume e não sentia o cheiro de nada, isso o desesperou porque pensou que iria continuar naquela situação para sempre, ele não sabia muita informação sobre a doença, os médicos também não tinham uma clareza sobre os reais sintomas da covid-19.

PUBLICIDADE

Com o tempo, os cientistas passaram a compreender que em muitos casos a covid-19 era acompanhada com perda completa do paladar e distorção de cheiros.

O vírus é capaz de danificar os nervos e por isso o cérebro não consegue identificar o que recebe.

PUBLICIDADE

Segundo o advogado, a Coca-Cola ficou com gosto de sabão em pó, segundo um estudo do Hospital das Clínicas, muitos pacientes infectados com o coronavírus, não recuperaram o olfato completamente mesmo após 3 a 4 meses de curados e o paladar também é afetado. Para ele alguns refrigerantes agora tem gosto de sangue.

Leonam disse que a pasta de dente ficou com gosto de ferrugem, Fábio Pina da Universidade de São Paulo, disse que a alteração do olfato e paladar afetam as pessoas com a covid-19.

PUBLICIDADE

Esse quadro era associado a pessoas com sinusite e resfriado, mas após a pandemia, os cientistas passaram a perceber que o coronavírus pode acarretar esses sintomas.

O que os cientistas não conseguem explicar, é porque muitos que são testados positivos para covid-19, os sintomas permanecem por muitos meses mesmo depois de serem curados da doença.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.