Pai finge ser filho e consegue prender policial suspeito de tentar violentar sexualmente o menino

PUBLICIDADE

Um policial militar de 59 anos foi preso sob suspeita de tentativa de estupro de um menino de apenas 12 anos no sudoeste goiano. Segundo a polícia, os dois se conheceram em um clube da cidade, e o militar chegou a convidá-los para um motel.

Até a última atualização deste relatório, o G1 não conseguiu encontrar a defesa do suspeito para um pronunciamento. A Polícia Militar informou que ele foi afastado do cargo.

PUBLICIDADE

Segundo relatos, o adolescente estava no clube com seu primo de 18 anos. Segundo a polícia, o jovem percebeu o comportamento do suspeito e tentou abordar o menino.

Depois disso, os dois começaram a trocar mensagens por meio de um aplicativo. Capturas de telas deixam claro o momento em que p suspeito dizia que iria levar o primo e o adolescente para o motel e que eles gostariam, ainda chegou a pedir foto do adolescente junto com o primo.

PUBLICIDADE

A prisão do suspeito foi efetuado na noite de domingo, em um posto de gasolina. Os pais denunciaram o homem depois de saberem das mensagens. O pai do menino usou o celular para se passar por ele e marcar um encontro. O suspeito pedia para que as mensagens fossem deletadas.

O pai do menino foi até o encontro do homem e quando encontrou o imobilizou até que a polícia chegasse. O homem foi preso em flagrante e a polícia apreendeu seu aparelho celular.  Depois de ter sido preso, o militar foi levado para a Corregedoria da PM e continua preso até a tarde desta segunda-feira, dia 2, no Presídio Militar de Goiânia.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.