Primeira morte por corona vírus confirmada em SP e outras 4 em Investigação

Idoso de 62 anos morreu por ter contraído o covid-19

PUBLICIDADE

Uma reportagem apurada hoje confirmou a primeira morte no Estado de São Paulo, no Hospital israelita Albert Einstein, segundo o governo estadual, o senhor se 62 o qual não foi revelado a identidade recebia o tratamento no próprio hospital e não em casa. Esta foi a primeira morte registrada na capital até o momento.

Não há informações de como ele foi infectado, e não abriram detalhes do caso.

Os estudos revelam que o corona vírus tem maior taxa letal para pessoas idosas e pessoas imuno deficientes, ou seja, pessoas com diabetes, hipertensão, AIDS, herpes, entre outras, têm maior capacidade de desenvolverem o pior da doença.

O Ministério da Saúde disse que até momento são 234 casos confirmados e 2064 casos suspeitos. O número de casos poderá ser ainda maior já que o boletim nacional demora a concluir os casos do covid-19. Outras coisas a se atentarem são a Dengue e o Sarampo, que estão tendo surtos de epidemias pelo país.

PUBLICIDADE