Sobrevivente da tragédia da Chapecoense e de acidente de ônibus diz que não tem sorte nem azar, mas é abençoado por Deus pela oportunidade de vida

Um cara muito, muito azarado. Ou, dependendo do ponto de vista, muito sortudo. Ele foi um dos seis sobreviventes da queda do avião da Chapecoense, em 2016.

PUBLICIDADE

Como muito tem falado nas redes sociais Erwin Tumiri ou é muito azarado ou muito sortudo, ele foi um dos seis sobreviventes da queda do avião da Chapecoense que aconteceu em 2016 e agora recentemente acaba de escapar ileso de um acidente gravíssimo com um ônibus.

O acidente com a Chapecoense o avião tinha cerca de 71 pessoas somente seis sobreviveram, mas agora um novo acidente no dia 2 de março.

PUBLICIDADE

Após quase cinco anos na tragédia com avião, ele estava agora em um ônibus a caminho do trabalho, ele passava por uma rodovia muito perigosa que ligava a cidade boliviana de Cochabamba a Santa Cruz de La Sierra.

A rodovia é muito sinuosa ao passar por uma curva o motorista perdeu a direção do ônibus e capotou caindo em um Riacho a mais de 100 m de altura e mais uma vez foi um cenário terrível um grande desastre.

PUBLICIDADE

Várias pessoas morreram nesse acidente das 53 pessoas apenas 22 sobreviveram, uma dessas pessoas que sobreviveu foi Erwin.

O rapaz agora vem dando entrevista em vários jornais e algumas perguntas é que ele tem desafiado o destino, duas vezes enfrentou a morte viu ela diante da face mas saiu para contar a história.

PUBLICIDADE

Ele tem vivido confundindo nessa noção de Sorte e Azar, segundo Erwin ele não se acha azarento nem sortudo, disse que já sofreu outros acidentes graves quando tinha uma moto, mas reconhece que tem sido abençoado por Deus ele tem dado a ele oportunidade de vida.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.