Tristeza, professora que perdeu o marido vítima de coronavírus desabafa: “Perdi o amor da minha vida e tive que reconhecer o corpo por vídeo chamada”

O mundo tem vivido grande sofrimento com a pandemia.

PUBLICIDADE

A Professora Tatiana dos Santos, de 41 anos, viveu uma experiência terrível. Na última terça-feira perdeu o seu marido José Dias para o coronavírus, de acordo com Tatiane, por causa da pandemia, não pode nem sequer despedir do esposo, com o qual viveu 18 anos, o reconhecimento do corpo foi feito por vídeo conferência no Hospital ABC Paulista.

Relatou a professora, que o seu esposo ficou sete dias internado no hospital e não pode vê-lo, perdeu o amor da sua vida, sem poder dizer adeus.

José Dias foi internado no hospital Nossa Senhora do Rosário e precisou ser transferido para o hospital do ABC Paulista. No início do tratamento ele apresentava pouco sintomas do COVID-19, ele não teve, febre, nem tosse e nem coriza, mas como na infância ele teve bronquite, os familiares se preocupavam.

Alguns dias após ser internado, o quadro piorou muito, José Dias precisou da ajuda de oxigênio para respirar, ninguém podia entrar para visitá-lo.

PUBLICIDADE

A esposa a partir desse dia não o viu mais, a professora Tatiana, precisou permanecer isolada em domicílio por suspeitas de coronavírus, alguns dias após a internação no ABC, médicos relataram para ela que o estado de José era grave.