A polícia descobriu uma fabrica que lavava preservativos e tornava a coloca-los no mercado

Uma operação da polícia vietnamita descobriu um armazém que reciclava e revendia preservativos usados. A ação foi feita na terça-feira (22), de acordo com mídia estatal do país.

PUBLICIDADE

A polícia do Vietnam em uma operação realizada na última terça-feira (22), aprendeu em um armazém uma grande quantidade de camisinhas usadas que estavam sendo recicladas.

Após ser realizada a operação, uma rede de TV local transmitiu várias sacolas contendo camisinhas usadas.

PUBLICIDADE

Segundo o boletim, havia mais de 300 quilos de preservativos no depósito, essa quantidade era equivalente a quase 350 mil unidades de camisinha.

Uma mulher que foi detida no local, afirmou que recolhias os preservativos em vários locais inclusive em lixões e fervia em água para que pudesse retornar ao mercado.

PUBLICIDADE

A mulher recebia cerca de 17 centavos pelo quilo dos preservativos que ela lavava e secava, até o momento a polícia não tem informações de quantos preservativos foram reutilizados e colocados no mercado para venda.

A polícia agora tentará fazer um rastreamento de todos esses produtos para que possam ser retirados do mercado e não venham trazer prejuízo à saúde dos usuários.

PUBLICIDADE

A polícia Vietnamita chegou até o armazém por meio de denúncia anônima, os policiais fizeram um cerco e entraram no galpão sem que eles percebessem.

Dentro do galpão a polícia descobriu centenas de quilos de camisinhas usadas que estavam sendo reutilizadas, eles lavavam e embalavam e em seguida colocavam no comercio local, a fábrica foi fechada pelos agentes e todos os responsáveis serão indiciados.

Segundo a polícia os responsáveis pelo galpão serão acusados por crime contra a saúde pública.

 

Via: msn.com

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.