Avô defendeu seu neto gay e deserdou sua filha homofóbica por chutá-lo para fora da casa

Ele mandou uma carta para sua filha, defendendo o neto, e as palavras são comoventes

PUBLICIDADE

Em pleno 2019, ainda não é fácil de acreditar que possuem pessoas com a cabeça tão fechada quando o assunto é amar, e que amor é amor, de maneira que não depende do gênero ou da orientação sexual.

Os homossexuais são menosprezados pela maioria da sociedade, e que muitas das vezes são rejeitados pelas próprias famílias, mas ainda bem que alguns avós realizam o que for necessário para proteger seus netos, mesmo tendo que encarar seus próprios filhos.

PUBLICIDADE

O caso que vamos falar hoje é de um avô que defendeu seu neto gay, fazendo uma mensagem escrita para sua filha, onde ele a advertiu por tê-lo rejeitado pelo motivo de sua escolha sexual.

Segundo a explicação do jovem, a sua mãe o expulsou de sua casa pelo fato de que ela prefere estar com alguém do sexo masculino do que do feminino.

PUBLICIDADE

Ele disse que ela o mandou para fora de sua residencia pelo fato de que Jesus queria ou qualquer outra desculpa que seja justificativa aos apelos religiosos que usam para justificar sua devoção.

Descobrindo isso, seu avô não hesitou em em defendê-lo, escrevendo um recado para sua filha, revelando a hipocrisia e a má educação dela, rejeitando-a da mesma forma que ela fez com seu filho.

PUBLICIDADE

Na carta ele diz que está desapontado com a sua atitude, e continua falando que ela está certa que tem uma “vergonha na família”, porém que estão errados sobre quem é, pois quem é a vergonha é ela mesma. E falou que tirando seu neto da sua própria casa pelo fato dele ser gay é uma verdadeira abominação e que um pai não nega seu filho, que vai contra a natureza.

O avô mostrou que ser gay não é problema e a advertiu pelas palavras duras, e com isso falou que a única coisa inteligente que ele ouviu disso tudo que ela não educou seu filho para ser gay, pois ele já nasceu assim, igual não escolheu ser canhoto por exemplo, e que no caso quem escolheu ser prejudicial e com uma mente fechada e atrasada foi ela.

Ele afirmou que irá cuidar da educação de seu neto e que ele não tem tempo essas atitudes tão sem noção quanto as dela.

Finalizando a carta ele aproveita o momento dela de rejeição ao filho e usa para dizer adeus para a filha, e termina falando que agora tem um neto maravilhoso e que não tem tempo para as suas palavras cruas, mas deu uma chance para que se ela encontrasse seu coração para ligar para eles.

Tem pessoas que dizem que os avós tem mais amor pelos netos que os filhos e é verdade. E este avô o protegeu com unhas e dentes, e nunca o julgará pela sua orientação.

 

 

PUBLICIDADE

Escrito por Julia Menezes Poncio

Redatora das mais variadas matérias, como notícias de famosos, curiosidades, atualizações sobre esporte, etc