Casal de pastores celebra vitória contra Covid-19: “Estamos curados para honra e glória do Senhor Jesus”

Após quatro dias de internação no Hospital Estadual de Santa Casa de Cuiabá, casal de idosos ganha batalha contra o Covid-19

PUBLICIDADE

Um casal líderes de uma igreja evangélica, foram vítimas da doença do Covid-19. Eles conseguiram derrotar a doença depois de serem hospitalizados juntos na mesma Unidade Hospitalar Estadual Santa Casa de Cuiabá.

A pastora Romilda Pinto, de 67 anos de idade, disse que agora é um recomeço, tanto para ela, quanto para seu marido, o pastor Claudionor Lucas Cardoso, de 69 anos. O casal contraiu o novo coronavírus, o Covid-19 juntos.

PUBLICIDADE

Líderes de uma igreja na capital, eles manterão todos os cuidados precisos na quarentena, entre março até o mês de maio. No entanto, depois que acabou o processo da quarentena, o casal de pastores, foram ao interior realizar um batismo, foi exatamente nesta ocasião, que Romilda presumi que foi contaminada.

Ela disse que a primeira pessoa a sentir sintomas de coronavírus foi o marido, que estava com febre alta e se sentindo fraco. Na próxima semana, Romilda iniciou a sentir cansaços físicos e tosse. Eles foram ver um médico da família que receitou alguns medicamentos. No entanto, como não houve melhora, eles tiveram que encaminhados para a Unidade Hospitalar.

PUBLICIDADE

Romilda sofre com problemas como diabete, e estava com seu pulmão comprometido, cerca de 60%. Os pulmões do seu esposo estavam com 45% comprometido pela doença. Os dois ficaram no mesmo quarto do hospital e não precisaram de respiradores.

Claudionor, disse que os dois sempre cuidaram um do outro a vida toda, e por conta disso pediu para que colocassem os dois no mesmo quarto. O homem se sentiu aliviado, por estar perto da mulher, e disse que que ele e a esposa foram muito bem tratados por todos os funcionários do hospital.

PUBLICIDADE

A pastora se lembrou também, que foi imediatamente encaminhada para a tomografia, acompanhada pelo marido, que também realizou o mesmo exame e determinou o momento essencial para suavizar as emoções e acreditar na tão sonhada cura.

O casal acredita, que foi por causa de toda a dedicação que eles ganharam dos profissionais de saúde do hospital, e também por estarem perto um do outro, foi a chave essencial para que tivessem uma recuperação rápida.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Redatora Cs

Escrevo vários tipos de conteúdo, mas gosto muito de escrever notícias sobre famosos, histórias de superação e testemunhos.