Casal unido pelo amor a mais de 50 anos morre de covid-19 no intervalo de 15 dias

Juntos há mais de 50 anos, Hélio Valdez Schwantes, de 75 anos, e Eroni Terezinha dos Santos, de 74, morreram em um intervalo de 15 dias por complicações da Covid-19.

PUBLICIDADE

Hélio waldez de 75 anos e Eroni Terezinha de 74 estão casados a mais de 50 anos e morreram no intervalo de 15 dias devido as complicações da covid-19.

Eles estava internados no hospital em São Paulo e não resistiram a doença, tanto Hélio como Eroni tinham recebido a vacina contra a covid-19 mas apresentaram sintomas no mês passado.

PUBLICIDADE

Antes de falecer eles sentiram febre, dor de cabeça fraqueza e dificuldade em respirar, Eroni sofreu com mais sintomas pois ela lutava contra um câncer, um tumor recente que foi descoberto.

Um filho do casal disse que o pai deixou um legado os dois eram muito unidos e eles sempre falavam preocupados em morrer e deixar o outro, o quanto sofreriam com isso e embora a família esteja extremamente enlutada e cheia de tristeza pela falta dos pais, sentem felizes por eles não terem sofrido a falta um do outro.

PUBLICIDADE

O que eles tanto desejaram se realizou, Ironi e Hélio deixaram quatro filhos um legado de união, de amor, gentileza e cuidado como mãe como pai principalmente como amigos, eles eram muito queridos em toda comunidade e todos irão sentir falta deles para sempre.

Após a morte dos Pais, Rafael falou sobre a importância de se cuidar no meio da pandemia se prevenir usar máscara, álcool gel e evitar aglomeração, todos precisam passar pela vacinação mas também se proteger pois mesmo sendo vacinados ainda é algo assustador essa doença, todos desejam agora que ironia e Hélio descansem em paz.

PUBLICIDADE

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.