Caso Rafael: Mãe dá novo depoimento e admite ter estrangulado o filho

Alexandra era a principal suspeita de ter matado o próprio filho e admitiu tudo em novo depoimento.

O caso de Rafael Mateus Winques, de apenas 11 anos de idade ganhou uma repercussão nacional e sua mãe, Alexandra Dougokenski, era vista como a principal suspeita de ter assassinado o garoto.

Ele foi morto no dia 15 de maio no norte do Rio Grande do Sul e desde então as autoridades tentam desvendar o crime. Porém, recentemente a mãe do garoto prestou um novo depoimento e mudou completamente os fatos surpreendendo todos.

PUBLICIDADE

De acordo com a Polícia Civil gaúcha, ela admitiu que estrangulou o próprio filho até a morte. Tudo aconteceu na última semana quando os investigadores colocaram Alexandra para depor novamente.

A ideia deles era justamente irem contra as informações dadas pela mulher anteriormente a respeito do caso de Rafael. Seu último depoimento antes de admitir tudo foi no dia 18 de junho, em Planalto.

PUBLICIDADE

O delegado responsável pelo caso, Eibert Moreira Neto, informou que Dougokenski contou com detalhes como matou o próprio filho de 11 anos. Ela teria medicado o garoto e amarrado uma corda em seu pescoço.

Eibert explicou que a mãe já estava cansada de ver o filho ficar até tarde na frente do celular e tomou medidas drásticas para impedir Rafael de ficar acordado até tarde. Tomou a decisão de dar os remédios para a criança.

PUBLICIDADE

Mesmo após tomar os remédios que em teoria deveriam fazer Rafael dormir, ele acordou de madrugada. Foi então que Alexandra ficou nervosa, saiu de si e estrangulou o garoto até a morte.

De acordo com as informações de Eibert, Alexandra deixou o filho pendurado na corda para morrer e saiu de dentro do quarto. Ela não teria sido capaz de ver Mateus se debatendo enquanto sua vida ia embora.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.