Diretor do Hospital Alberto Torres é morto em Niterói ao trocar tiro com bandidos durante assalto

Os bandidos fugiram do local sem levar nada, o Corpo de Bombeiro foi acionado pelas testemunhas, mas quando chegaram ao local José Dízimo já estava sem vida.

PUBLICIDADE

Na noite do domingo (4) o diretor do hospital Alberto Torres foi morto em Niterói no Rio.

Segundo testemunhas, ele foi vítima de um assalto resistiu e foi baleado, o diretor do Hospital José Dídimo de 59 anos, era policial aposentado, ele reagiu a um assalto, como era um policial aposentado acabou trocando tiros com os criminosos e foi baleado.

Segundo testemunhas um carro com quatro homens armados fechou o veículo do diretor do hospital, eles desceram do carro apontando as armas para José Dídimo, nesse momento ele reagiu ele estava também armado, mas acabou sendo morto pelos criminosos.

Os criminosos se evadiram do local sem levar nada, o Corpo de Bombeiro foi acionado pelas testemunhas, mas quando chegaram ao local José Dízimo já estava sem vida.

PUBLICIDADE

No momento que os criminosos fecharam o veículo do diretor do hospital, houve uma colisão de outro veículo que bateu no do diretor.