Diversas mudanças na lei de trânsito foram para a sanção do presidente Jair Bolsonaro

Diversas mudanças na lei de trânsito foram aprovadas pelo Congresso e seguiram para a sanção do presidente Jair Bolsonaro. Dentre as alterações estão a ampliação de 20 para até 40 pontos do limite para a suspensão da Carteira Nacional de Trânsito (CNH) e o aumento da validade do documento para até 10 anos.

PUBLICIDADE

Congresso mudou diversas leis de trânsito e agora foi para o presidente Jair Bolsonaro para ser sancionado, entre a alteração de 20 para 40 pontos na suspensão da CNH, o documento terá validade para 10 anos.

O Presidente apresentou essa mudança no ano passado, desde então houve várias mudanças no texto e terá validade daqui a seis meses.

PUBLICIDADE

O projeto foi criticado pela entidade de segurança, apesar disso o congresso manteve o propósito de aumentar os números de pontos da CNH e também o transporte para crianças.

Hoje a carteira vale 5 anos e como foi aprovado valerá 10 anos para quem tem até 50 anos de idade, hoje com 20 pontos a CNH é suspensa, após a aprovação pelo congresso a CNH terá três níveis de pontuação.

PUBLICIDADE

Ela será suspensa com 20 pontos se o condutor cometer 2 ou mais infrações gravíssimas, 30 pontos se atingir uma infração gravíssima e 40 pontos se não houver infrações gravíssimas.

Hoje não há regulamentação para o trânsito de motos no corredor, no texto aprovado a motocicleta não pode transitar no corredor quando o tráfico estiver parado, eles devem passar pelas duas faixas do meio.

PUBLICIDADE

Hoje a viseira do capacete deve ficar baixa sobre pena de multa e infração gravíssima, como foi aprovado pelo congresso, o capacete sem a viseira se torna infração média.

Hoje não é permitido levar crianças menor de 7 anos na garupa da moto, no projeto novo a regra aumentou a idade para 10 anos, hoje o candidato da CNH deve realizar pelo menos uma aula noturna, segundo foi aprovado não há mais essa obrigatoriedade de aula noturna.

Hoje andar com veículo sem documentação e com placa fora de padrão é infração leve e perde três pontos na carteira.

Segundo foi aprovado, rodar sem documento e sem a placa dentro dos padrões pode ser punido apenas com multa, sem perder pontos na carteira.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.