Doença que causa necrose conhecida como “fungo negro” é encontrado em pacientes recuperados da covid-19

A mucormicose tem sido registrada em pacientes de Covid-19 na Índia. A doença causa necrose (morte de tecido) na área das mucosas.

PUBLICIDADE

Foi identificado no Uruguai casos de mucormicose conhecido como fungo negro em uma pessoa diabética que havia se recuperado da covid-19.

O paciente tem mais menos de 50 anos de idade e após se recuperar da doença apresentou necrose cerca de 10 dias após ser testado positivo para covid-19.

PUBLICIDADE

A infectologista chegou a dizer que alguns casos têm surgido com essa micose que é relacionada a um fungo, é associado ao vírus da pandemia, ele invade os tecidos tanto os seios como pulmão e começam a surgir fungos que podem atacar, causando vários problemas e principalmente a defesa do organismo.

PUBLICIDADE

As doenças debilitantes e monológicas ou lesões são as mais afetadas é o mesmo que aconteceu na Índia, mesmo fungo negro que atingiu centenas de vidas que contraíram a covid-19 matando mais de 100 mil pessoas em um período bem curto.

Geralmente as pessoas que são afetadas são diabéticos, que possui HIV e pessoas que realizaram algum tipo de transplante.

PUBLICIDADE

No entanto os especialistas dizem que na Índia as condições de higiene são precárias os hospitais são na rua há muita poeira e sujeira que também proporcionam mais facilidade as infecções.

Há várias outras doenças no Uruguai que são produzidas por fungos, devido essa proporção de infecção.

Já as pessoas que foram contaminadas com a covid-19 esse fungo pode ser algo severo principalmente para aqueles que estão em terapia intensiva há muito tempo.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.