Drauzio Varella prevê ‘tragédia nacional’ por coronavírus: ‘Brasil vai pagar o preço da desigualdade

Veja o que Drauzio conta sobre o novo coronavírus

PUBLICIDADE

O famoso médico cancerologista Drauzio Varella participou de uma entrevista para o BBC Brasil e durante essa entrevista ele tocou no assunto da evolução do Covid-19 ou como é mais conhecido, o novo coronavírus, aqui no país. O cancerologista revelou que antes estava muito “otimista” sobre o vírus, entretanto, atualmente ele anda arrependido e vê que uma “tragédia nacional” está perto de acontecer.

Ele conta que todo mundo vai perder pessoas próximas, seja pessoas amigas ou até mesmo familiares e disse que esse vírus vai ensinar que não vai ser mais possível continuar vivendo da maneira antiga.

PUBLICIDADE

O doutor vai fazer 77 anos no próximo mês e ele está acompanhando de perto as informações sobre o covid-19. O rapaz também contou que no começo ele estava otimista, pois as informações não seriam completas, por não se tratar de um país que é democrático, a China.

De acordo com o médico, as informações que foi divulgadas pela China, mostrava que esse vírus tinha uma baixa letalidade e que a doença só era complicada para pessoas mais velhas. Quando a doença chegou na Itália, foi quando o doutor disse que o mundo começou a saber como é essa doença de verdade.

PUBLICIDADE

O doutor conta que ele acha que aqui no Brasil vai ter um grande número de óbitos e que vai acontecer um grande impacto na economia do país e que essa doença vai ter uma duração prolongada.

Ele ainda confirma que esse vírus não vai terminar nem tão cedo aqui no país.

PUBLICIDADE

O rapaz ainda contou que iríamos pagar o preço da desigualdade social. Vale lembrar que neste momento, o Governo Federal está fazendo de tudo para acabar com o isolamento social, e ainda existe muitos municípios ainda estão adotando medidas para abrir parcialmente os comércios.

Vale lembrar que a Organização Mundial de Saúde (OMS) pede para que todos países que tenham casos confirmados de coronavírus e sofrem com a pandemia, que continue adotando as medidas de quarentena, pois segundo o OMS seria o único método preventivo contra a doença.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Ana Carolina

Redatora há 2 anos, escrevo sobre o mundo dos famosos, curiosidades, relacionamentos e sempre vou em busca de me manter atualizada, para levar o melhor conteúdo aos meus leitores.