Em Nova York Bolsonaro faz churrascaria improvisar ‘puxadinho’ já que não tomou a vacina

Uma lei de Nova York impede que pessoas não vacinadas fiquem do lado de dentro do estabelecimento

PUBLICIDADE

Nosso atual presidente Jair Messias Bolsonaro divide muitas opiniões, em uma visita à Nova York uma churrascaria de donos brasileiros nomeada, Fogo de Chão precisou mudar sua forma de trabalho para receber o presidente.

Foram necessárias alterações na forma de trabalhar da empresa para que o presidente pudesse ser recebido sem que fossem infringidas as leis do estado onde todos deveriam ter tomados a vacina ant-covid-19 para serem atendidos em locais fechados.

PUBLICIDADE

Foi feita uma cobertura com mesas ao ar livre para que ele pudesse ser atendido, também estiveram junto ao Presidente o ministro da saúde Marcelo Queiroga do meio ambiente Joaquim Leite  além de Carlos França e Augusto Heleno.

Durante a caminhada até o hotel, o que levou 7 quadras o presidente escutou de uma eleitora da oposição o grito de assassino, dezenas de pessoas foram necessárias para impedir que a imprensa incomodasse o presidente que se mostrou muito simpático e confortável com a situação.

PUBLICIDADE

Bolsonaro não se incomodou em sentar do lado de fora do estabelecimento, ficou tranquilo e fez questão de demonstrar isso, já que respeita as leis de Nova York, o restaurante também ficou tranquilo com a presença e fez questão de sua presença para comemorar o dia do gaúcho, no estabelecimento todos estão vacinados, o gerente ainda disse que lá todos são fãs de Bolsonaro e não se incomoda com o fato de ele não querer tomar a vacina.

 

Via: g1.globo.com

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Escrito por Julia Carolina

Gosto sempre de trazer novidades e curiosidades para manter o publico informado no dia dia, sigo a linha de noticias infantis e voltadas ao publico materno, alem de receitas e remédios caseiros.