Esposa exigiu que marido matasse jovem ao descobrir traição: “Corpo da vítima foi queimado ainda vivo”, diz MP

Após denúncia do Ministério Público, acatada pela Justiça, ambos tiveram a prisão preventiva decretada. Crime aconteceu em Praia Grande, no litoral paulista.

PUBLICIDADE

O casal acusado de matar a jovem Vitória Luiza da Silva de 20 anos em Praia Grande litoral de São Paulo foram presos.

Segundo informações do Ministério Público a esposa do homem exigiu que ele matasse a jovem por ter tido uma relação extra conjugal com ele, essa foi a exigência para que ela continuasse com ele casada.

PUBLICIDADE

O corpo da jovem foi encontrado no bairro Jardim Melvi carbonizado, o suspeito de 25 anos era casado e teve esse envolvimento extra conjugal, a esposa descobriu e fez essa exigência para ele, que ele matasse a moça.

Os dois agiram nesse assassinato eles tiveram a prisão preventiva decretada pelo Ministério Público.

PUBLICIDADE

Segundo a denúncia a morte aconteceu no dia (1) de abril foi tudo premeditado pelo casal, a jovem vítima ao descobrir que o rapaz que ela se envolveu era casado se afastou.

Entretanto a esposa pediu a morte dela para que continuasse com ele, eles atraíram a jovem Vitória e ela sem saber da presença da esposa foi ao encontro.

PUBLICIDADE

Nesse momento aconteceu o assassinato o homem teria feito um disparo de arma de fogo na cabeça da jovem, eles acreditavam que ela estava morta e deixaram o corpo, retornaram para se livrar do celular dela e perceberam que estava viva.

Nesse momento decidiram colocar fogo no corpo, os familiares notificaram o desaparecimento a polícia civil que passou a investigar o caso, o casal foi indiciado por feminicídio e ocultação de cadáver.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.