Feto infectado com coronavírus morre ainda no útero da mãe

O caso em questão é a segunda ocorrência do tipo em Israel

PUBLICIDADE

Recentemente uma grávida de Israel, infectada com a Covid-19, revelou que perdeu o filho na 36.ª semana de gestação. De acordo com informações veiculadas na web, o caso da mulher foi reportado pelo próprio hospital responsável por atende-la.

Na ocasião citada, a instituição pontuou que ainda não era possível afirmar que a morte do bebê estava ligada à Covid-19. Conforme o publicado pela imprensa local, os profissionais da saúde responsáveis por cuidar da gestante descobriram que o feto estava morto no útero da mãe após fazer um teste laboratorial para coronavirus, que revelou que a criança também estava infectada.

PUBLICIDADE

Esse não foi o primeiro caso similar a acontecer em Israel. Ainda na semana passada, foi registrado que uma mulher de 29 anos perdeu o bebê ainda na sua 25.ª semana. Essa ocorrência foi registrada na cidade de Ashdod.

Segundo informações de Yossi Tobin, o diretor da maternidade na qual a mulher foi internada, casos como esses são bastante raros de acontecer, visto que, em geral, os bebês são infectados com o coronavírus depois do nascimento e devido ao contato com as suas mães.

PUBLICIDADE

Portanto, ainda não é possível afirmar com certeza que a causa da morte das crianças foi a Covid-19. Entretanto, os médicos acreditam que às duas coisas possuam sim, uma conexão. As declarações a respeito disso também foram feitas por Tobin durante uma entrevista concedida ao jornal New York Times.

 

Via: catracalivre.com.br

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.