Jovem de 28 anos tinha o grande sonho de ter uma menina, seu sonho se realizou, mas ela morreu por Covid-19: “Não viu a filhinha”

Jovem de 28 anos estava no sétimo mês de gestação e passou mais de um mês internada em Manaus. Um dia antes de morrer, apresentou melhora no quadro, mas não sobreviveu.

PUBLICIDADE

Arícia Campello foi internada às pressas em um hospital do interior do Amazonas, estava entrando no sétimo mês de gestação, mas apresentou sintomas da covid-19 e precisou ser levada às pressas para o hospital.

Arícia de 28 anos teve o quadro agravado por causa da infecção e precisou ser transferida para o hospital de Manaus, devido as complicações da gravidez acompanhada com a covid-19, foi necessário realizar uma cesariana de emergência, ela deu à luz a uma menina.

PUBLICIDADE

Os médicos acreditaram que Arícia iria melhorar porque o quadro clínico foi bem melhor após ter dado a luz, mas infelizmente morreu alguns dias depois da menina ter nascido, o bebê está em uma incubadora, pois nasceu prematura.

A mãe Alícia tinha três filhos, todos meninos sonhava em ter uma menina, ela era casado com um jogador de futebol do Estado do Amazonas, o marido chegou a relatar que era o sonho da esposa ter uma menina e por isso foi tentando teve os três homens e ela queria muito ter uma menina, quando foi internada e foi feito a cesariana ela chegou a melhorar mesmo estando entubada, mas devido as complicações da contaminação do coronavírus, o quadro se agravou e repentinamente faleceu.

PUBLICIDADE

Ela não teve nenhum contato com a filha, o esposo de Alícia contou que ela ao ser internada precisou de aparelho para ajudar a respirar, com o tempo não precisou mais e respirava sem aparelho, mas infelizmente veio a óbito porque sofreu uma parada cardíaca.

De acordo com o hospital, a jovem chegou na unidade médica e rapidamente a colocaram na máscara de ventilação, em seguida precisou ser entubada.

PUBLICIDADE

Pela piora do quadro clínico tiveram que realizar uma cesariana, porque o bebê estava com processo de falência, o esposo que é jogador, falou emocionado que esposa sonhava em ter uma filha, disse que deixou uma grande herança uma sementinha que será muito bem cuidada.

O Estado do Amazonas já passou a marca de 61.000 casos da covid-19, já são 2,6 mil mortes no estado.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Marcos Antonio Martins

Marcos Martins, é mineiro da gema, nasceu no dia 30 de abril 1975, tem dois filhos lindos que não sabe se parece com ele ou com sua esposa, é cheio de defeitos, mas as qualidades são perceptíveis.