Jovem denuncia professor por assédio, mas seu pai diz que foi só um mal-entendido

O fato aconteceu em uma escola estadual de Guarulhos - SP

PUBLICIDADE

Um professor da rede estadual de são Paulo foi acusado de assédio por uma de suas alunas que se sentiu mal durante uma atitude do pedagogo, ele que agora está sendo investigado nega a acusação.

O professor foi afastado da escola que conta agora  com apoio psicológico e social para as alunas que vieram se manifestar a favor da colega que fez a acusação, durante a manifestação cartazes foram colocados onde estava escrito que roupa curta não é convite, e que se mexeu com uma delas todas iriam se manifestar.

PUBLICIDADE

O fato aconteceu na quarta-feira 15 de setembro na cidade de Guarulhos, muitas fotos foram postadas nas redes sociais e  estão viralizando já que se trata de uma manifestação pela justiça e de um tema muito corriqueiro.

O caso ainda esta sendo investigado pela polícia civil, porem o pai da própria garota que teria feito a acusação prestou depoimento e disse que tudo não passou de um mal-entendido e nada aconteceu com sua filha.

PUBLICIDADE

A secretaria de educação retirou o professor do cargo e está investigando a acusação junto a polícia, também foi registrado no Programa Conviva onde se monitora as escolas da rede estadual de São Paulo, o programa fica responsável por fazer visitas à unidade para ver como estão evoluindo  e também conversa com alunos e pais para saber o nível de satisfação com os colaboradores em um todo.

 

Via: noticias.r7.com

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Escrito por Julia Carolina

Gosto sempre de trazer novidades e curiosidades para manter o publico informado no dia dia, sigo a linha de noticias infantis e voltadas ao publico materno, alem de receitas e remédios caseiros.