Jovem internado com a mãe e irmã em SP, não resiste e morre com Covid-19.”A mãe não sabe que ele morreu”

Com pai doente, que ficou tetraplégico após AVC internado no hospital, família contrai Covid-19 após reversar entre mãe e dois filhos.

PUBLICIDADE

Três pessoas da mesma família, foram hospitalizadas depois de contrair o novo coronavírus. Após, mãe e dois filhos reversarem os cuidados com o pai que sofreu um AVC e ficou tetraplégico, ambos foram internados.

A vítima mortal, Luiz Fagner  de 31 anos, vigilante,estava na UTI desde o inicio do mês, mas inconsciente, mas acabou por não resistir e veio a falecer. Mãe e filha, continuam internadas.

PUBLICIDADE

A mãe está entubada em coma na UTI do hospital na cidade, devido a Covid-19. O rapaz, estava entubado também  inconsciente na UTI em um hospital de São Bernardo do Campo, segundo os familiares nas unidades de saúde da localidade, não existia vagas. Ele não tinha qualquer problema de saúde, e praticava desporto.

O jovem deu os primeiros sinais, depois de revezar com a irmã, nas visitas do pai, onde seguiam em seu auxílio, que estava internado após ter um AVC. A mãe de ambos, já teria se afastado das visitas, depois de começar a sentir-se mal. Luiz estava internado há mais de 10 dias, 6 deles estava na UTI.

PUBLICIDADE

“Minha mãe, não sabe que o filho faleceu, porque continua inconsciente no hospital. Quando ela recuperar os sentidos, uma equipe médica a irá preparar e dar a notícia, aos poucos,para ela não sofrer com o impacto da situação”, conta.

Uma das auxiliares da enfermagem, tem medo da reação da sua mãe, ela continua internada na UTI, e o seu pai está tetraplégico recentemente. “Para uma mãe, sabemos o quanto é duro enterrar um filho, mas infelizmente é a ordem natural das coisas. Todos estamos muito preocupados com ela, como vai ser quando ela acordar”, diz.

PUBLICIDADE

“Além disso, o meu pai também está muito mal. Ele ficou tetraplégico devido a um AVC, que  lamenta que não tem solução para ajudar. Está tudo muito complicado na nossa família.”

“As pessoas não estão fazendo isolamento social correto.Apenas só acreditam quando ela for bater na porta de casa de cada um. Comigo ela não bateu, ela apareceu por todos os lugares, atingindo a minha família. Estou desmoronando, não sei mais que fazer”.

PUBLICIDADE

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!