Marido da jovem que perdeu a mão e a mama esquerda ao ser arrastada por carro em acidente desabafa: “Só sinto raiva”

O assessor foi intimado a prestar depoimento na delegacia

PUBLICIDADE

O motorista acusado de atropelar duas pessoas em uma moto apresentou a 10ª DP do Lago Sul nessa última terça-feira (18).

Caio Ericson Ferraz Pontes de Melo de 32 anos, é assessor parlamenta e foi a delegacia acompanhado com dois advogados e afirmou que no momento do acidente teve um apagão.

PUBLICIDADE

Na moto estava Douglas Gonçalves dos Santos de 20 anos, ele não se feriu gravemente, Paula Thaís Gomes Oliveira 18 anos sua namorada, estava na garupa ela está ainda internada em estado grave no Hospital de Base.

Thaís perdeu a mão esquerda e o seio esquerdo, a Polícia Civil chegou até o suspeito após o veículo ser rastreado, o carro está registrado em nome de uma pessoa da família.

PUBLICIDADE

Em poucas horas os agentes policiais identificaram Caio Ericson e descobriram que um VW up, Branco havia sido levado para oficina em Guará para ser consertado, o carro estava sem a placa dianteira na oficina, o para-choque estava solto.

O assessor foi intimado a prestar depoimento na delegacia, no depoimento Ericson disse que teve um apagão no momento do acidente, somente quando chegou em casa teve consciência do que aconteceu, não sabia dizer se havia colidido ou se envolveu no acidente, afirmou não ter ingerido álcool.

PUBLICIDADE

A defesa de Caio disse que o acusado está colaborando com as investigações e está à disposição do rapaz e da moça, a advogada de Caio, afirmou que ele está em estado de choque, está com depressão e passando por um divórcio.

Douglas destacou que está com raiva do motorista por ter colorido e fugido do local o sofrimento que tá está passando é muito grande em perder um membro ele deseja que a justiça seja feita.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.