Menino de 2 anos fica sozinho em casa e morre em incêndio, após brigas entre pais e vizinhos

Menino de 2 anos fica sozinho em casa e morre em incêndio, após brigas entre pais e vizinhos

PUBLICIDADE

 

Essa é uma história que envolve brigas, ameaças e acusações, a mãe e o padrasto de Angelo não grava uma entrevista  mas dizem ter um suspeito, para eles Alexandre cunhado do padrasto de Ângelo é o principal suspeito.

PUBLICIDADE

Emily de apenas 17 anos mãe de Ângelo é casada com John Wesley acerca de um ano, Ângelo era fruto de um relacionamento anterior de Emily. O  casal acredita que o Alexandre colocou fogo na casa pois algumas horas antes ele e o padrasto da criança tinham brigado, mas para os vizinhos e parentes o padrasto também é suspeito.

O que mais gera revolta na família é que toda essa tragédia pode ter começado em uma discussão, os pais da criança e Alexandre eram vizinhos de porta moravam no mesmo quintal.

PUBLICIDADE

Em   momentos antes do incêndio John e Alexandre teriam iniciado uma briga na casa de John, o cunhado chegou a agredir Alexandre com soco que ficou muito revoltado dizendo que aquela agressão teria troca fazendo assim ameaças ao seu cunhado e sua família.

Depois disso Alexandre Jon e Emily saíram  da casa deixando o menino Ângelo Gabriel sozinho. A pergunta que não se cala é:  O que teria acontecido nesse período em que o Ângelo fica sozinho em casa?

PUBLICIDADE

Quem incendiou a casa matando a criança? Como o incêndio teria começado? Será que foi criminoso? Até agora nem os bombeiros e nem a polícia sabem dizer como tudo começou.

Talvez tudo tenha sido causado por um curto-circuito ou um vazamento de gás ,mas nada foi comprovado ainda tudo são só suspeitas. Na briga Alexandre foi expulso pelo cunhado da casa onde morava, John teria agredido o cunhado porque soube que Alexandre teria agredido a esposa que é irmã de John.

A briga entre os dois foi presenciada pela prima de Emily. A moça diz que viu o momento da briga e a agressão enquanto passava em frente à casa.

O pai de Emily disse que acredita na inocência de Alexandre e que ele não seria capaz de cometer tal crueldade, ele acredita que o culpado seja John,  pois ele sempre ameaçou Emily e seu filho Ângelo.

O pai ainda diz que há 6 meses atrás sua filha estaria desesperada pois John estava tentando tocar fogo na casa em que eles moravam e nesse momento ela teria escapado do marido e correu por medo de ser morta.

Depois disso John  teria feito várias ameaças a jovem. O pai de Emily ainda diz que aconselhava a jovem para ela terminar esse relacionamento abusivo  pois John ameaçava constantemente

PUBLICIDADE

Escrito por Redatora S Silva

Sou colunista de noticias, de famosos, tv, receitas, politicas e testemunhos e mensagens, reflexoes. Buscamos sempre o melhor, para que as notcias chega a tempo para todos.