Menino de 2 anos fica sozinho em casa e morre em incêndio, após brigas entre pais e vizinhos

Menino de 2 anos fica sozinho em casa e morre em incêndio, após brigas entre pais e vizinhos

PUBLICIDADE

 

Essa é uma história que envolve brigas, ameaças e acusações, a mãe e o padrasto de Angelo não grava uma entrevista  mas dizem ter um suspeito, para eles Alexandre cunhado do padrasto de Ângelo é o principal suspeito.

Emily de apenas 17 anos mãe de Ângelo é casada com John Wesley acerca de um ano, Ângelo era fruto de um relacionamento anterior de Emily. O  casal acredita que o Alexandre colocou fogo na casa pois algumas horas antes ele e o padrasto da criança tinham brigado, mas para os vizinhos e parentes o padrasto também é suspeito.

PUBLICIDADE

O que mais gera revolta na família é que toda essa tragédia pode ter começado em uma discussão, os pais da criança e Alexandre eram vizinhos de porta moravam no mesmo quintal.

Em   momentos antes do incêndio John e Alexandre teriam iniciado uma briga na casa de John, o cunhado chegou a agredir Alexandre com soco que ficou muito revoltado dizendo que aquela agressão teria troca fazendo assim ameaças ao seu cunhado e sua família.

Depois disso Alexandre Jon e Emily saíram  da casa deixando o menino Ângelo Gabriel sozinho. A pergunta que não se cala é:  O que teria acontecido nesse período em que o Ângelo fica sozinho em casa?