Menino de 3 anos morre depois de ser liberado duas vezes de hospital, negligência

Família denuncia negligência.

PUBLICIDADE

Um menino de três anos morreu na última segunda-feira (18) depois de ser liberado duas vezes do Hospital Municipal de Itatira que fica no interior do Ceará.

O irmão da criança que é influêncer se chama Paulo Henrique e denunciou através de uma série de publicações no seu Instagram relatando o caso como negligência, o médico que atendeu o menino foi afastado.

PUBLICIDADE

A delegacia regional intimou o médico e alguns funcionários para serem ouvidos sobre o ocorrido. O irmão de João Gabriel de 3 anos contou como foi a luta da família em busca de atendimento para criança no hospital.

De acordo com o jovem a criança começou a passar mal o domingo (17) e apresentava febre e dor de garganta.

PUBLICIDADE

Paulo Henrique disse que João Gabriel estava com 39 graus de febre quando a família o levou ao hospital. O médico atendeu e passou uma injeção para a criança e alguns remédios para a mãe comprar.

A mãe comprou e a criança tomou a injeção, mas não teve melhoras então eles levaram a criança de volta a um enfermeiro que o atendeu, deu o remédio que baixou a febre, a criança melhorou e foi liberada para casa.

PUBLICIDADE

Na segunda-feira Gabriel piorou em casa e a família levou de volta o hospital. Por volta de 1:00 h da manhã ele começou a gemer queixando-se de dor na barriga, a febre ficou alta e a família voltou hospital.

O médico demorou 30 minutos para atender a criança, ele passou duas injeções e liberou o menino novamente para casa. Quando João Gabriel teve outra piora, eles voltaram ao hospital com a criança roxa, ele foi colocado no soro, mas o menino não resistiu.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.