Ministro da Saúde afirma que governo espera aumento de casos de coronavírus entre abril e julho

Henrique Mandetta ainda informou que as medidas ligadas à quarentena podem ser reforçadas

PUBLICIDADE

Na última terça-feira (17), o atual ministro da saúde Henrique Mandetta chegou a afirmar que o Brasil deverá passar por um pico do coronavírus nos próximos 60 a 90 dias.

De acordo com Mandetta, a estimativa feita pelo ministério é que o numero de casos aumente bastante entre os meses de abril e junho. Eles somente atingirão um período de estabilidade a partir do mês de julho.

Durante uma coletiva de imprensa, Henrique Mandetta afirmou que o ministério da Saúde pretende trabalhar com números ascendentes, ou seja, apostar no crescimento.

De acordo com ele, os próximos 60 a 90 dias serão de bastante estresse para a população brasileira devido à pandemia.

PUBLICIDADE