Morador de rua agredido por personal treiner é cercado por pessoas querendo tirar fotos com ele e gravar conversas: “Ele é o cara”

Morador de rua espancado por personal trainer é tietado no Distrito Federal: "Ele é o cara".

PUBLICIDADE

O morador de rua Gilvaldo Alves de 48 anos ficou famoso nas ruas do Distrito Federal depois que recebeu uma surra de um personal trainer em Planaltina no último dia 9 de março ao ser flagrado com a esposa do personal mantendo relação sexuais dentro de um carro.

Eduardo Alves de 31 anos flagrou a esposa com o morador de rua e partiu para cima do morador de rua e as imagens circularam nas redes sociais.

PUBLICIDADE

Passado algumas semanas do acontecido o morador de rua vem a público dar sua própria versão do que havia acontecido de verdade.

Através de um vídeo que está circulando nas redes sociais ou morador de rua tem sido alvo de pessoas tietando ele querendo tirar fotos e gravando conversas.

PUBLICIDADE

Em uma das imagens ele diz que não se arrepende do que aconteceu se não fosse pelo personal trainer ele ainda poderia estar com a mulher que o abordou e o levou para dentro do veículo dela.

O morador de rua teve uma fama repentina e no vídeo é possível ver uma pessoa que diz que não acredita ter encontrado ele na rua e começa a gravar uma conversa e outras pessoas chegam e aparecem participando, no fundo é possível uma mulher questionando Gilvaldo dizendo: valeu a pena?

PUBLICIDADE

O morador de rua responde que dá para ter tudo o que ele sabe que é capaz sem apanhar, mas não se arrepende de nada.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.