Morre, aos 64 anos, Masataka Ota pai de Ives Ota sequestrado e assassinado aos 8 anos de idade

Morreu o empresário e ex-vereador Masataka Ota, nessa quarta-feira (24/2), em São Paulo. Ele tinha 64 anos, e estava internado para tratar um câncer, no Hospital Sírio Libanês.

PUBLICIDADE

Na última quarta-feira (24) morreu Masataka Ota empresário de São Paulo que estava com 64 anos de idade.

PUBLICIDADE

Ele foi internado para tratar de um câncer no Hospital Sírio Libanês e nãoresistiu, o empresário ficou conhecido após o filho Ives Ota ser assassinado com 8 anos de idade durante um sequestro que aconteceu em 1997.

PUBLICIDADE

Após a morte da criança os pais criaram o Instituto, uma ONG na zona leste de São Paulo, realizavam diversos trabalhos comunitários, eles também realizavam campanhas para que crimes hediondos fossem punidos com mais severidade.

PUBLICIDADE

O empresário chegou a ser vereador em São Paulo em 2013, ele também fundou o movimento paz e justiça.

Keiko Ota e Masataka Ota, encontraram com os assassinos do filho, o motoboy e dois policiais foram condenados a mais de 40 anos de prisão, diante dos três assassinos do próprio filho eles os perdoou, essa cena comoveu o país.

Masataka nasceu no Japão em 1956, teve três filhos ficou casado por mais de 30 anos, ele há muito tempo vinha lutando contra um câncer e devido as complicações da doença não resistiu e faleceu.

O governador de São Paulo Márcio França lamentou a morte do empresário e publicou nas redes sociais um adeus ao amigo dizendo que finalmente ele ia abraçar o filho que partiu tão cedo.

Políticos que conheceram todo o trabalho de Masataka enviaram mensagens aos familiares desejando força e que o empresário fosse recebido nos braços de Deus.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.