Mulher de 23 anos que pesava 298 quilos vence a obesidade e se torna exemplo de superação

Amber chegou a pesar com 23 anos de idade assombrosos 298 quilos.

PUBLICIDADE

A obesidade é um grande problema que tem afetado muitas pessoas. A indústria é culpada também por produzir uma infinidade de alimentos com opções variadas, apoiadas pelos comerciais de televisão bem apetitosos que passam a imagem de que esses alimentos podem trazer a felicidade.

Esses alimentos industrializados são muito práticos, e cada vez mais os pais confiam nessas marcas e quando se dão conta, a família está vivendo com uma rotina alimentar muito rica em gorduras e pobre dos nutrientes necessários a fim de ter qualidade de vida e saúde.

PUBLICIDADE

Amber Rachdi uma norte-americana, perdeu o controle de seu peso dessa forma. Ela comia uma quantidade “exagerada de alimentos industrializados repletos de calorias” desde a infância.

Com apenas 23 anos de idade, Amber chegou a pesar assombrosos 298 kg, nessa fase ela já sabia o mal que ela mesma causou a sua própria saúde, mas ela não sabia como agir diante da compulsão alimentar, junto com a depressão, para ter forças de mudar seu estilo de visa, pois comer era a única coisa que ela pensava e queria.

PUBLICIDADE

Mesmo diante de tantos problemas físicos e emocionais, a família e o namorado de Amber nunca a deixaram para trás.

PUBLICIDADE

Mesmo quando eles ficavam sem saber como ajudar eles a incentivam a tomar uma atitude contra a compulsão e a emagrecer. Até que ela decidiu tomar uma atitude e se escreveu no programa de televisão minha vida em 300 kg.Tudo iria depender dela, o médico a informou que ela teria que perder 9 kg para então poder fazer a cirurgia bariátrica. Ela teve que se esforçar muito para se alimentar em quantidades menores, uma mudança radical no seu estilo de vida, mas sempre foi apoiada pelo namorado e pela família.

Depois de três meses e 8 kg a menos, Amber pode então fazer a cirurgia. Sete meses depois, ela já havia eliminado 42 kg. Depois de vencer essa etapa, Amber começou a  se motivada, ela passou a se alimentar melhor e a praticar exercícios físicos.

Quando completou nove meses que Amber havia feito a cirurgia ela já haviam perdido 66 kg, e depois de um ano, 121 kg já haviam ido embora. Com a perda de tantos quilos já estava chegando a hora de passar por outra cirurgia para retirar a pele extra do corpo da jovem.

Para Amber a  cirurgia era  importante porque além de eliminar o sobrepeso, ajudou também a mulher a ter mais qualidade de vida, mudando completamente sua maneira de viver, seu aspecto físico e emocional.

Amber é um exemplo para aqueles que assim como ela, têm problemas com a compulsão alimentar e obesidade, ela com sua força de vontade e apoio da família conseguiu mudar de vida e agora é outra pessoa, uma mulher segura, completa e feliz.

PUBLICIDADE

Escrito por Pedro Henrique

Amo escrever sobre todo o tipo de assunto, notícias e atualidades são minha paixão. Contato: [email protected]