Mulher processa ginecologista após descobrir que ele é seu pai biológico

PUBLICIDADE

Morgan Hellquist tem 36 anos e foi fruto de uma inseminação artificial, após um acidente na família seu pai acabou ficando tetraplégico e sua mãe resolveu usar a inseminação para ter um filho diante da impossibilidade do marido.

Em 1980 Jo Ann Levy acabou procurando por um ótimo médico, muito famoso e que estava sempre dando entrevista na televisão, ou seja, uma referência no que fazia, sendo assim sua gravidez foi concretizada e o médico disse ter sido feita com sêmen de um doador anônimo.

PUBLICIDADE

Na vida adulta Morgan procurou por uma empresa que usava seu DNA para contar um pouco mais sobre sua vida, e diante disso descobriu ter outros seis meio irmãos, ao procurar por eles acabou detectando muitas semelhanças entre eles e o médico.

Dr.Wortman disse ter usado um material de um doador porem usou o seu próprio sêmen para engravidar Jo Anny, em 2016 o teste feito por Morgan acabou levantando a suspeita e um de seus irmãos resolveu fazer um teste de DNA com o médico em questão onde foi detectado 99,9% de compatibilidade  sendo assim foi descoberto que o médico era pai de todos eles.

PUBLICIDADE

Morgan conta em entrevista que sua mãe disse ter se sentido violada, e ela também já que se consultou com ele por 9 anos e disse que foi muitas vezes alvo de piadas sexuais sem saber que ele era seu pai o que para ela era muito constrangedor, agora ela processa o médico que nega ter usado seu esperma e apesar disso pediu para ser afastado de seu cargo.

 

Via: revistacrescer.globo.com

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Escrito por Julia Carolina

Gosto sempre de trazer novidades e curiosidades para manter o publico informado no dia dia, sigo a linha de noticias infantis e voltadas ao publico materno, alem de receitas e remédios caseiros.