Número de mortos na tragédia de Petrópolis chega a 152 e 154 pessoas estão desaparecidas no sexto dia após tragédia

O número de mortos chega a 152 contabilizados até a tarde do último domingo 20 e 154 pessoas ainda permanecem desaparecidas.

PUBLICIDADE

A região serrana do Rio sofreu grandemente com as fortes chuvas que caíram provocando enchentes e deslizamentos do dia 15.

O número de mortos chega a 152 contabilizados até a tarde do último domingo 20 e 154 pessoas ainda permanecem desaparecidas.

PUBLICIDADE

As equipes trabalham empenhadas e em algumas ruas ainda permanecem intransitáveis depois do temporal que arrasou a cidade de Petrópolis.

Diversas casas foram completamente destruídas, asfaltos arrancados e no Morro da oficina 80 casas foram diretamente atingidas por uma barreira que caiu e destruiu tudo.

PUBLICIDADE

A cidade está em um cenário de caos e muita destruição, fato que deixa a população completamente estarrecida com a imensidão da tragédia causada pelas chuvas.

Famílias inteiras perderam tudo, perda de bens materiais e a perda irreparável de vidas que se foram em meio aos escombros.

PUBLICIDADE

Os bombeiros estão empenhados no atendimento de ocorrências, diversos pontos de apoio estão acolhendo as pessoas que estão desabrigadas em escolas da cidade.

Nesses locais que servem de ponto de apoio às pessoas estão recebendo suporte de assistência social, educação, saúde e Defesa Civil que se dedica nos casos onde há vítimas. De acordo com o governador as cenas da tragédia são muito fortes e praticamente o que aconteceu em Petrópolis nunca foi visto na cidade antes.

O presidente Jair Bolsonaro que visitava a Rússia quando a tragédia acontecer, tuitou logo em seguida para dizer que já havia pedido auxílio as vítimas em muitos telefonemas feitos há vários ministros.

 

Via: em.com.br

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.