O triste fim do homem que viralizou nas redes sociais após enterrar a sua própria mãe sozinho

José Ricardo Fernandes Ribeiro teve um triste fim em sua vida, após um ano da morte de sua mãe.

PUBLICIDADE
Em um domingo, 11 de agosto de 2019, José Ricardo postou uma foto em sua rede social e até pensou que não seria notado, mas ele acabou recebendo muitos compartilhamentos e comentários nessa foto.
Na postagem aparecia uma foto de sua mãe dentro de uma caixão, e no velório só estava presente ele e o motorista da funerária responsável por levar o caixão até o cemitério.
Naquele momento ele encontrava muito triste pela perda de sua mãe, então ele decidiu fazer um apelo e compartilhar nas redes sociais, para que pudesse se confortar.
O homem relatou que sua mãe estava em uma situação muito difícil, ele não conseguia mais se sentar sem ajuda, ele precisava dar banho nela, além de trocar suas roupas.
Em seguida colocava ela em sua cadeira de rodas e depois ia realizar os afazeres domésticos, ele também contou que frequentava a hemodialise pelo menos 3 vezes durante a semana.
Após o triste desabafo, muitos internautas se sensibilizaram com a historia dele, e após isso ele recebeu diversos comentários de apoio e força por passar por todo aquele momento.

Mas infelizmente após 1 ano do falecimento de sua mãe, José Ricardo acabou perdendo a sua vida de maneira triste e muito trágica, neste último domingo, que se passou, dia 12, foi comunicado a sua morte, que ocasionou devido a queimaduras.

José Ricardo chegou a ser socorrido e levado para o hospital Estadual de Urgências Governador Otávio Lage Siqueira, porém acabou não resistindo aos seus graves ferimentos pelo corpo e veio a óbito.

PUBLICIDADE

Até o momento o caso seque investigado, e as linhas de suspeitas segue como um ataque que ele teria sido vitima dentro da quitinete no qual ele residia

Conforme apurado pela policia, o dono da quitinete no qual José Ricardo morava, relatou que os vizinhos havia percebido que a casa estava em chamas, e logo acionaram o corpo de bombeiros juntamente com o Samu.

PUBLICIDADE

Quando as unidades de resgate chegaram ao local, conseguiram socorrer José Ricardo que acabou sendo conduzido ao hospital com a ajuda de um helicóptero, mas infelizmente ele já estava muito debilitado.

Segundo apurado, ele possuía mais de 80% do seu corpo queimado, e mesmo sendo submetidos a diversos cuidados no hospital ele não conseguiu sobreviver.

PUBLICIDADE

 

 

 

 

PUBLICIDADE

Escrito por Margareth Santos

Gosto de dedicar uma parte do meu tempo levando noticias e informações através de matérias relacionadas a tudo, inclusive de saúde, culinária, famosos e do mundo da maternidade.