Paciente morre depois de receber atendimento no chão, por falta de maca, no UPA da Zona Sul de Teresina:”Foram feitos 6 ciclos de reanimação cardiopulmonar”, diz enfermeira

Paciente foi socorrido, mas não resistiu.

PUBLICIDADE

De acordo com a Fundação Municipal de Saúde, o paciente deu entrada na unidade em estado grave. Na tarde de quarta-feira dia 17, um homem morreu depois de ter sido atendido no chão, por falta de maca no UPA, no bairro Promanar , situado na Zona Sul de Teresinha.

Segundo as informações, o paciente entrou em estado grave e apresentava ter problemas respiratórios, no qual sofreu uma parada cardíaca, os profissionais de saúde, ainda realizaram todas as manobras de reanimação, sem sucesso.

PUBLICIDADE

Questionada após o episódio, a fundação disse ainda que quando o paciente com identidade não revelada,deu entrada para atendimento,estava em estado gravíssimo e era emparado por u parente, que de imediato foi realizadas todas as manobras de reabilitação mas sem sucesso.

A unidade disse ainda, que todas as salas estavam lotadas, incluindo os leitos extras. Ressalta ainda, que devido a gravidade do paciente, nao era possível reverter a situação do processo de ressuscitação cardíaca.

PUBLICIDADE

Além disso, a entidade disse ainda que foi usado todos os recursos possíveis para que o paciente fosse reanimado. A equipe disse ainda, que a UPA está a passar por uma grande superlotação, e com falta de estrutura para lidar com a atual demanda.

Polyena Silveira, técnica de enfermagem que estava junto com a equipe que prestou socorro ao paciente, disse ao G1, que todos os seus ciclos de reanimação cardiopulmonar, foram usados, e mesmo assim não foi possível reanimar o paciente.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!