Padre é preso por gastar 400 mil reais da igreja com homens que conheceu através de um aplicativo gay

O padre foi preso depois que a polícia concluiu a investigação.

PUBLICIDADE

Um caso inacreditável aconteceu na paróquia em Downingtown (Pensilvânia, EUA), onde o padre que estava à frente da comunidade Há 9 anos e era muito conhecido e popular na comunidade foi preso e acusado de desviar aproximadamente 100 mil dólares, cerca de 400 mil reais da paróquia que cuidava para gastar com homem que conheceu através de um aplicativo para gays.

De acordo com as informações o padre tinha uma conta secreta para desviar o dinheiro recebido através das doações dos fiéis da paróquia. O padre Joseph McLoone, de 56 anos estava sendo investigado há um ano desde que as suspeitas recaíram sobre ele.

PUBLICIDADE

A polícia então abriu uma investigação para apurar todos os fatos e os policiais descobriram que o padre usava o dinheiro para bancar suas saídas com homens que conheceu através do aplicativo muito usado por homossexuais.

O padre usava o dinheiro para pagar jantares caros, muitas viagens e o aluguel de uma casa que fica em Ocean City (Nova Jersey, EUA). Provavelmente o lugar que ele usava para se encontrar e relacionar com os homens que conheceu através do aplicativo.

PUBLICIDADE

A polícia descobriu também que o padre usava uma conta online para fazer transferência para os homens que conheceu através do aplicativo chamado Grindr e entre os homens que o padre transferiu o dinheiro estava um presidiário.

PUBLICIDADE

A polícia informou que o padre desviava o dinheiro que recebia das celebrações como casamentos, funerais e missas para os falecidos além das doações que eram entregues para a paróquia. Nada foi usado em prol da comunidade, mas sim para pagar os interesses pessoais do padre que esbanjava luxo com os homens do aplicativo.

Os fiéis da paróquia ficaram chocados e revoltados ao descobrir o que o religioso aprontava com o dinheiro doado, principalmente por ser um líder que deveria ser exemplo para todos agindo errado nas costas de todos e ainda usando o dinheiro dado pelos fiéis.

Infelizmente esse é apenas mais um dos muitos casos que acontecem em todo o mundo, onde religiosos se aproveitam da boa vontade dos fiéis para pagar seus luxos e sua vida desregrada.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.