Pai usou uma faca para cortar o couro cabeludo do filho, após dizer que o corte de cabelo era de um “homossexual”, diz polícia

O caso ocorreu em Planaltina de Goiás.

PUBLICIDADE

Um pai de trinta e três anos, é apontado como suspeito de ter cortado o couro cabeludo do filho, de seis anos, após ter alegado que o corte que ele possuía era de “homossexual”.

Thiago César, o delegado que está a investigar o caso, contou que o suspeito tinha chegado bêbado a casa, no qual só não agrediu a criança, como também fez ameaças a esposa.

PUBLICIDADE

A PM prendeu o homem em flagrante.

Tudo ocorreu nesta terça-feira (9). Segundo o delegado, ele foi detido na altura por desacato e resistência à prisão após ter xingado e tentado agredir os agentes. O suspeito, não teve o nome divulgado. Segundo o G1, não foi possível encontrar a defesa, para se manifestar perante o caso.

PUBLICIDADE

O delegado confirmou ainda, que o suspeito continua detido, até esta quinta (11), onde o delegado que estava de plantão, decretou a prisão preventiva. O delegado explicou, que o homem prestou declarações, e disse que tinha chegado bêbado em casa, quando viu e não gostou do corte do menino, alegando ser um corte homossexual, no qual resolveu cortar o cabelo com uma faca.

No qual ele ainda cortou o couro cabeludo do menino. Ele diz ainda, que o ato é como fosse uma punição contra o menino. Após a Polícia Civil ter tomado conhecimento da situação do garoto, o caso foi alargado para ser investigado indicado como tortura e lesão gravíssima, no qual irá depender dos laudos realizados pelo IML, realizados no menino, ainda nesta quinta-feira.

PUBLICIDADE

Ainda segundo o delegado, no dia que o menino foi agredido, foi socorrido numa unidade hospitalar da cidade, onde precisou ser submetido a uma cirurgia na cabeça.

PUBLICIDADE

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!