Polícia investiga a causa da morte de dentista que morreu após entrar no hospital no Grande Recife, família acredita em feminicídio:”Ela só queria trabalhar e cuidar do filho, queremos Justiça”; diz a mãe

A jovem morreu depois de ter dado entrada na unidade hospitalar paulista. Segundo as informações da declaração de óbito, a causa aponta como asfixia por esganadura.

PUBLICIDADE

A dentista pernambucana, Emilly Nayane da Silva de vinte e quatro anos, morreu após ser socorrida para a unidade hospitalar de Nossa Senhora do Ó. A polícia está a investigar as causas da morte. Onde o caso está a ser tratado inicialmente pelos investigadores, como “morte a esclarecer”.

Segundo os parentes da jovem, acreditam e apontam que foi o ex-marido que matou Emelly. Nas  declarações do óbito da jovem, aponta que a causa da morte foi “asfixia direta por esganadura”.

PUBLICIDADE

Ainda por meio de uma nota, a Polícia Civil confirmou ainda que depois do resultado das perícias, que já estão a ser realizadas e concluídas, até ao término das testemunhas sejam ouvidas relacionadas, onde irá ser definida a causa jurídica da morte.

A mãe de Emelly Josymeri Bento, foi amparada por parentes, onde pediu durante o velório da filha, por Justiça, nesta quarta (24). Ela disse que quer Justiça.

PUBLICIDADE

Que a filha queria trabalhar e criar o filho dela, mas ele não aceitava o fim da relação, ele queria voltar para ela de qualquer jeito. Mas como ela não aceitou, acabou por assassinar, disse a mãe. O casal tem um filho de dois anos.

Augusto César Cunha, o delegado responsável pelas investigações, disse que não há indícios suficientes para que possam confirmar que se trata de um homicídio. No qual até agora não pode afirmar que se trata de homicídio, antes de chegar a perícia necroscópica. Essa pericia, vai definir as causas da morte.

PUBLICIDADE

Ele disse ainda, que também o ex-marido da vítima, é indicado como suspeito do crime. Acrescenta que ele é tratado como suspeito devido a várias circunstância, que ainda pairam, no qual essas mesmas dúvidas a respeito do inquérito. A partir desse momento, logo que for tudo esclarecido, esse status dele, pode vir a sofrer mudanças.

O delegado disse ainda, que foi realizada uma perícia no apartamento do suspeito. No qual a perícia realizada no imóvel, que é da propriedade do ex-marido. Existe alguns indícios que existiu uma especie de luta, de confrontes. Os vizinhos ainda foram entrevistados, mas também vão receber uma intimação, para comparecer na delegacia. Ainda segundo ele, o pai do suspeito também se dirigiu espontaneamente à delegacia, e prestou depoimento.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!