Presidente da empresa AstraZeneca alega que vacina pode imunizar contra coronavírus durante 12 meses

Teste da vacina já foi iniciada em humano.

PUBLICIDADE

De acordo com o presidente da empresa Pascal Soriot a vacina tem a potência de imunizar o corpo humano contra covid-19 durante um ano. Esta foi uma afirmação dada pelo presidente da AstraZeneca em uma estação de rádio belga no dia 16 junho, terça-feira.

Os testes da vacina em humanos já foi iniciado por uma britânica que tem desenvolvido o trabalho juntamente com Universidade de Oxford. Após alguns testes eles já têm um resultado positivo e acreditam que por um ano a pessoa pode ficar imune ao vírus.

PUBLICIDADE

A empresa também já alega ter assinado contratos com França, Alemanha, Itália e Holanda para prover até 400 milhões de doses da vacina em potencial à União Europeia, além de contratos também estabelecidos com Reino Unido e Estados Unidos.

Ainda de acordo com o presidente da empresa, o previsto é que novos resultados clínicos acontecem entre agosto e setembro e que até outubro as vacinas já estejam prontas para serem entregues.

PUBLICIDADE

Desde o início da pandemia de covid-19 no mundo que vários países vêm numa corrida contra o tempo tentando criar uma vacina que seja eficaz no combate a doença, além de medicações realmente eficazes para o tratamento de pessoas infectadas.

Diversas empresas farmacêuticas estão tentando de tudo, realizando vários estudos e pesquisas e também testes em humanos para que uma medicação realmente eficaz seja logo descoberta e assim propagada a todas, além de também ser do alcance de toda a população.

PUBLICIDADE

Visto que uma das preocupações das nações é que estas medicações sejam também muito caras e de difícil acesso para as classes mais baixas.

Por fim, a covid-19 já fez quase 45 mil vítimas fatais apenas no Brasil e o esperado é que seja logo descoberto uma vacina que combata de vez este vírus.

PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.