Sinais de esperança aos Britânicos: Idosa de 99 anos sobreviveu à Covid-19. O segredo? “Sandes de marmelada”

Idosa que poderá ser a doente britânica mais velha a recuperar da Covid-19, família garante que ela só come "biscoitos e sandes de marmelada". Brincou os familiares situação de epidemia.

PUBLICIDADE

Uma Idosa britânica de 99 anos de idade é uma das primeiras mulher mais velha do Reino Unido a sobreviver ao novo coronavírus e os familiares até chegaram a dizer que foi, ”Biscoitos e sandes de marmelada”, brincam.

A idosa chamada Rita Reynolds, habitual de Stockport, começou a apresentar os sintomas da covid-19 no último dia 25 março, e logo seu estado de saúde piorou, a família foi avisada que Rita não iria sobreviver, mas o inacreditável aconteceu, a idosa melhorou.

PUBLICIDADE

O seu bisnetos, chamado Henry Phillips, contou para mídia que sua bisavó é”com certeza muito debilitada” e que já imaginavam que ela não poderia sobreviver a essa terrível doença, mas todos foram surpreendidos com sua melhora e deixando os médicos sem explicação.

PUBLICIDADE

Não sabemos como ela venceu tudo isso, seu bisneto ainda brincou ela não é de ficar comendo frutas e vegetal como os médicos vinham recomendando para aumentar a imunidade. Ela come biscoitos e sandes de marmeladas”, disse ele brincando rs.

Porém, ela nunca fumou e bebe muito pouco sempre teve controle rigoroso, contou Henry ao portal de notícias Britânico.

PUBLICIDADE

A idosa de 99 anos já passou pela Segunda Guerra Mundial e, com apenas 21 anos de idade, sobreviveu a uma bomba lançada próxima de sua residência, localizada na cidade de Liverpool ,tudo por que ela teve a esperteza de se esconder debaixo de uma mesa por que ela já estaria lendo um livro no momento do ataque, a quase centenária vai completar 100 anos em julho deste ano.

Em meio a tantas mortes e infectados pelo novo coronavírus historias como essa traz um pouco de esperança para a humanidade que vive hoje um caos por causa do vírus do novo coronavírus que vem causando centenas de vítimas pelo mundo diariamente.

A esperança que a humanidade aguarda é que os cientistas consigam desenvolver vacinas eficazes, capaz de proteger os seres humanos de serem contaminados pelo covid-19.

PUBLICIDADE

Escrito por Wellington Pereira Da Silva

Sou Estudante e redator amo escrever as melhores notícias ,curiosidades, historias ,dicas e entretenimento você encontra por aqui.