Trabalhador que precisar sacar o auxilio de R$600 da conta digital, não poderá de imediato

Uma data será divulgada para realizar o saque da conta digital.

PUBLICIDADE

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães fez uma afirmação nesta terça-feira 7 de abril, que o trabalhador informal que necessitar realizar o saque do dinheiro do auxilio emergencial de 3 parcelas de R$600, terá que aguardar um calendário de saques que será divulgado pela Caixa.

De acordo com as informações divulgadas pela própria Caixa, cerca de 30 milhões de contas digitais serão abertas de forma gratuita para os beneficiários do auxilio, ajudando aqueles que não possuem conta nesta agencia atualmente. Essa conta digital permite que as pessoas realizem os pagamentos de contas e também poderão realizar transferências gratuitamente durante esses 3 meses de parcela do auxilio.

PUBLICIDADE

Para as pessoas que possuírem conta em outra agência bancaria, poderá receber o auxilio através dela e não precisa fazer a conta digital da Caixa. Segundo Pedro Guimarães, o credito nessas contas será feita de uma forma bem rápida e o dinheiro ficará disponível para que as pessoas realizem os pagamentos e as transferências de forma online e gratuita.

Porém, para aqueles que não possuem conta na Caixa e necessitarem realizar o saque imediato, terão de aguardar o calendário da Caixa. Essa medida tem como foco evitar que as pessoas façam aglomerações nas agencias e nas casas lotéricas, devido ao surto da pandemia do novo covid-19.

PUBLICIDADE

Um estudo dos dados bancários das pessoas irá determinar quando estará disponível o saque do dinheiro, sem tumulto entre as pessoas nas ruas. Foi afirmado também que este auxilio não ira cobrir as dividas bancarias que as pessoas possuírem em qualquer banco. Não irá ocorrer o débito automático de dividas existentes. Poderão realizar o pagamento das contas normais, mas nada que esteja relacionado ao banco.

A principal idéia do auxilio emergencial é ajudar as pessoas que não estão exercendo as suas atividades em suas profissões e não tem uma renda com a qual possam se manter durante esse período de quarentena.

PUBLICIDADE

 

PUBLICIDADE

Escrito por V Guimarães

Colunista de todos os assuntos, como tv, famosos, culinaria, medicina, filmes, series, saude, bem-estar, lazer. Gosto de todos os assuntos