Vítimas da tragédia entre ônibus clandestino e caminhão, são veladas em grupos no ginásio de Itaí

Nesta quarta deu inicio ao velório das vítimas da tragédia entre ônibus e caminhão.

PUBLICIDADE

A batida do ônibus e caminhão nesta quarta (25) causou mais de duas dezenas de mortos. Ainda na noite desta quarta-feira (25), em Itaí (SP), começaram a ser veladas algumas vítimas da tragédia de um ônibus clandestino e do caminhão. O acidente ocorreu no início desta quarta, em Taguaí.

Do total das vítimas envolvidas na tragédia, apenas duas eram de fora do município, as restantes eram todas de dentro do município. Os corpos das vítimas, foram transportados para três ginásios de esportes da cidade.

PUBLICIDADE

A prefeitura, tinha decidido duas horas para cada velório, mas devido à grande movimentação de pessoas, acabou por ampliar o horário. Os caixões, foram assim agrupados em grupos de oito, e cada cerimônia demorou cerca de quatro horas.

Na realização do velório, voluntários estiveram presentes, para ajudar a controlar a quantidade de pessoas e evitar aglomeração.

PUBLICIDADE

Diante de tal situação, a prefeitura, também determinou que todos os familiares e amigos deviam usar as respetivas máscaras, e manter o distanciamento, seguindo assim as medidas de segurança, e proteger do novo coronavírus.

Os primeiros corpos a chegar, foram de Lucielmm Firmino, Osani Lucio, Claudinei carlos, e Andressa aparecida, confira abaixo.

PUBLICIDADE

A prefeitura disponibilizou ainda, a iluminação noturna no cemitério para as vítimas que foram sepultadas no decorrer da madrugada. O restante das vítimas serão sepultadas em seguimento de disponibilidade, devido às regras de proteção contra a pandemia. Que descansem em paz, uma tragédia que marcou toda a história.

 

PUBLICIDADE

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!